Lei marcial da ocupação israelense priva 2,5 milhões de palestinos dos direitos civis

qui, 19/12/2019 - 02:40
Publicado em:

Exército israelense reprime as liberdades básicas na Cisjordânia e persegue nas redes sociais os opositores da ocupação, segundo relatório da Human Rights Watch.

Leia a reportagem do El País (acesse aqui).

 

Legenda da foto: Tropas israelenses detêm um jornalista palestino, em janeiro de 2019, perto de Belém.MUSSA ISSA QAWASMA (REUTERS)