14º Mostra Mundo Árabe de Cinema no CCBB-SP: Joy Ernanny, diretora de “Além do Véu”, e professora da USP aprofundam o tema em encontro com o público

sab, 19/10/2019 - 12:50

 

Nesta sexta, 18 de outubro, a 14º Mostra Mundo Árabe de Cinema, que está em cartaz até o dia 28 deste mês no Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo (CCBB SP), promoveu um encontro com a cineasta Joy Ernanny, diretora do documentário “Além do Véu”. A conversa com o público contou também com a participação de Mona Mohamad Hawi, pesquisadora, linguista e Professora Doutora do Departamento de Letras Orientais da Universidade de São Paulo - USP e membro da Diretoria do ICArabe. O debate foi mediado por Gabriel Bonduki, também integrante da Diretoria do ICArabe.

14ª Mostra Mundo Árabe de Cinema é promovida pelo Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo (CCBB SP) e o Instituto da Cultura Árabe – ICArabe, com copatrocínio da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira e em parceria com a Federação das Associações Muçulmanas do Brasil – Fambras, o Instituto do Sono e a Aliança Francesa.  

Com a presença de um público entusiasmado e participativo, as palestrantes falaram sobre importantes temas da atualidade, como os conflitos no Oriente Médio e o papel da mulher dentro da fé muçulmana. Segundo Joy, esta foi a primeira vez que uma muçulmana (a professora Mona Hawi) esteve ao seu lado para falar sobre o filme, o que possibilitou aprofundar elementos do Islã no bate-papo.

Na ocasião, Mona, além de analisar a temática do filme, deu um depoimento pessoal sobre a sua condição de professora universitária brasileira de origem árabe e tradição familiar islâmica. Detalhou também aspectos sutis no filme "Corpo Estrangeiro" e no curta-metragem de Joy, filmado em Nova Yorque.

Joy Ernanny, por sua vez, descreveu a experiência de realização cinematográfica. Falou sobre a escolha do tema e detalhou acerca da relação pessoal no processo, o que lhe permitiu mostrar em "Além do Véu" uma visão muito real e atual do umiverso feminino.

Em sua produção, exibida em sessão antes do debate, Joy Ernanny fala sobre muçulmanas de Nova York que encontram refúgio em um novo salão de beleza – em um contexto de crescente islamofobia nos Estados Unidos. Sob o comando de uma empreendedora muçulmano-americana determinada, Le’Jemalik é o primeiro salão exclusivo para mulheres: um lugar onde é possível remover o véu e desfrutar de serviços de beleza halal.

A conversa e o debate incluíram ainda temas mais amplos, como questões relativas à memória, imigração, geopolítica mundial atual, o jogo de poder - que provoca tantos deslocamentos em massa de populações inteiras, o drama fo refúgio e as implicações individuais disso tudo.

“A intimista sala de cinema do CCBB-SP propiciou um ambiente acolhedor para debatermos temas muito atuais, mas que também são bem sensíveis”, destacou Joy. Foi uma experiência muito enriquecedora. Agradeço mais uma vez ao ICArabe pelo convite de voltar a São Paulo para mostrar o “Além do véu” na segunda etapa da Mostra! Volto para o Rio de Janeiro extremamente feliz sabendo que a participação do meu documentário no circuito dos festivais encerrou com chave de ouro”, concluiu a cineasta.

alem

alem

alem

Contribuindo para a história do cinema árabe no Brasil

A Mostra Mundo Árabe de Cinema surgiu em 2005, logo após a criação do Instituto da Cultura Árabe, em 2004, como uma entidade laica e sem fins lucrativos.

O objetivo da Mostra Mundo Árabe de Cinema sempre foi (e continua sendo) o de apresentar ao público brasileiro a cinematografia dos países árabe e de temática árabe, contribuindo para desfazer os estereótipos e retratando a realidade dos países árabes.

Para acompanhar as novidades da Mostra, acesse:

Página do Facebook 

www.icarabe.org

Site da Mostra: mundoarabe2019.icarabe.org